quarta-feira, 21 de setembro de 2011

ATO APARTIDÁRIO UMA OVA: PSTU, PSOL. PV, PR E PSDB DÃO VEXAME


O ato no RJ contra o governo Lula/ Dilma, mascarado de ato contra a corrupção, foi um fiasco. Organizado por uma empresária do RJ, Cristine Maza, e mais uns quatro cansados, com apoio da mídia tucana, do Instituto Millenium e da direita raivosa, o ato reuniu umas 2.500 pessoas na Cinelândia, e muitos eram apenas pessoas desavisadas que passam no local normalmente: deram uma paradinha para assistir de longe, sem se manifestar, e foram contados sem dó. Alguns artistas e políticos estiveram presentes: Frejat, Zé Renato, Dado Villa-Lobos, Fernanda Abreu e Tim Rescala, Tico Santa Cruz (esse está em todas, até em protesto por acidente de avião). Fernando Gabeira, do PV (arroz de festa), sempre aproveitando uma oportunidade de aparecer e atacar o governo Lula/Dilma, também esteve lá. Bem como o deputado estadual Marcelo Freixo e o vereador Elyomar Coelho, ambos do PSOL, (eles não iriam perder uma oportunidade de atacar o governo Dilma e fazer uma propagandazinha partidária). Fernando Peregrino, que foi candidato ao governo do Rio pelo PR no ano passado, também esteve presente no ato e disse que o deputado federal Anthony Garotinho não compareceu ao evento porque está em Brasília. Garotinho em um ato contra a corrupção? Só faltou o Maluf nessa manifestação, mas ele estava ocupado em SP, apoiando a candidatura do PSDB para prefeitura (informação da Folha.com). Outro partido, o PSTU, aproveitou para distribuir folhetos e fazer propaganda partidária. Um ato contra a corrupção em que cada um estava só interessado no seu quinhão político, de olho na eleição de 2012, ou em aparecer para a mídia. Os bombeiros também foram lá reivindicar melhores salários ao governador Sérgio Cabral. O fiasco desse saco de gatos foi tão deplorável – prometeram sacudir o Brasil com 35.000 pessoas no mínimo (segundo o Facebook) –, que o JN nem teve coragem de noticiar, não deu uma palavrinha sequer sobre o assunto. Eles prometem repetir a palhaçada dia 12 de outubro, na orla de Copacabana. Sabe como é, feriadão, a praia vai estar lotada, muito sol, muita cerveja e caipirinha, pode até dar samba.

Nenhum comentário:

Postagens populares

Pesquisar neste blog